sábado, 1 de outubro de 2011

Por que acordamos com a voz rouca?


É comum acordamos com a voz rouca ou um pouco mais grave. Cantores e profissionais da voz geralmente evitam compromissos logo pela manhã. Ao despertarmos, nosso corpo todo está ligeiramente inchado. No espelho, podemos observar nossos olhos mais "gordinhos". E tente colocar um anel, certamente terá um pouco de dificuldade, pois os dedos também estarão inchados. "Do mesmo modo, isso acontece com nossas pregas vocais. Toda vez que elas incham nossa voz se apresenta rouca e com 'pitch' (tom) mais grave", explica a fonoaudióloga e especialista em voz, Claudia Pacheco.
No entanto, essa rouquidão deve desaparecer rapidamente. Claudia alerta que essa característica não pode durar por muito tempo no decorrer do dia. "Rouquidão por tempo prolongado é um forte indicativo de que algo não está bem com nossas pregas vocais. Se isso acontecer o mais indicado é que se procure uma fonoaudióloga ou um otorrinolaringologista".
Mas se você tem aquela reunião bem cedo com o chefe ou é o primeiro a apresentar um seminário no colégio, o que fazer com a voz rouca? Segundo a fono, o ideal é deixar que as pregas vocais desinchem naturalmente com o passar das primeiras horas após acordado. "Mas no caso de precisar usar a voz com boa qualidade em curto espaço de tempo considere falar de modo suave logo ao acordar, buscando um tom ligeiramente mais agudo do que você produz logo que sai da cama".
Também o ato da mastigação e deglutição, enquanto tomamos o café da manhã, ajudará na movimentação da musculatura que envolve a laringe, órgão onde se encontram as pregas vocais, além da movimentação dos órgãos articulatórios, como lábios, língua, mandíbula, bochechas. "Isso irá colaborar para uma melhor articulação dos sons da fala e, consequentemente, na melhoria da qualidade da voz", finaliza a especialista.


Fonte: Terra

Voce tambem pode gostar de:

Nenhum comentário:

Postar um comentário